Tribuna Popular

Câmara terá posto de recolhimento de fraldas para portadores de alzheimer

Campanha promovida pela Regional RS da Associação de Alzheimer foi divulgada nesta tarde ao plenário

Tribuna Popular com a Associação Brasileira de Alzheimer-RS. Na foto: diretor-jurídico da entidade, Rafael Furtado
Diretor jurídico da Associação, Furtado divulgou campanha na tarde desta segunda-feira(Foto: Leonardo Contursi/CMPA)

A Câmara Municipal de Porto Alegre terá ponto de recolhimento de fraldas geriátricas em campanha promovida pela Associação Brasileira de Alzheimer (Abraz) – Regional do RS. A informação foi transmitida na tarde desta segunda-feira (10/6) ao plenário do Legislativo da capital, durante o período de Tribuna Popular da sessão ordinária, pelo diretor jurídico da entidade Rafael Furtado. “O alzheimer não atinge apenas o portador, mas modifica de forma profunda toda a família. A pessoa se torna dependente de familiares ou cuidadores. E isso tem um custo significativo”, destacou o orador.

A divulgação da campanha de arrecadação de fraldas, como salientou ainda o diretor jurídico da Abraz-RS ao plenário, é uma forma da entidade em chamar a atenção não apenas de vereadores e vereadoras, mas de toda a população sobre o alzheimer. “É preciso ter conhecimento da doença e buscar a prevenção”. A atual campanha, disse igualmente Furtado, é também uma maneira que a entidade encontrou de prestar apoio àqueles que não têm condições financeiras, além de oferecer uma melhor dignidade para pacientes e familiares. 

Conforme citou, a Abraz surgiu em 1991, em São Paulo, e, desde então, atua também em diversos estados brasileiros por meio de suas regionais. A associação promove ações em favor de pessoas acometidas pelo alzheimer, o treinamento de voluntários para o trabalho junto a pacientes, a produção de material informativo sobre esta doença e a formação de grupos de apoio a familiares. “Também promove a articulação de políticas públicas, voltadas a maiores investimentos na área da saúde”, destacou ele. A presidente da Regional RS, Patrícia Fischborn, acompanhou o pronunciamento.

Texto

Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)

Edição

Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062)

Tópicos:Fraldas GeriátricasAbraz- Regional RSAssociação Nacional de Alzheimer - Regional RS