MOBILIDADE URBANA

Carús solicita desarquivamento de projetos de lei de Mobilidade Urbana

Os projetos proíbem a circulação de veículos pesados em horários de pico nas vias da cidade com até três faixas de circulação e o estacionamento nos dois lados das vias com até duas faixas de circulação nos horários de pico.

Audiência Pública para debater o Projeto de Lei Complementar do executivo que altera o Imposto Predial e Territorial Urbano - IPTU. Na foto, vereador André Carús
Audiência Pública para debater o Projeto de Lei Complementar do executivo que altera o Imposto Predial e Territorial Urbano - IPTU. Na foto, vereador André Carús(Foto: Ederson Nunes/CMPA)

    O vereador André Carús solicitou, na tarde da última quinta-feira (10), o desarquivamento de dois Projetos de Lei do qual foi autor quando assumiu pela primeira vez o mandato de vereador, em 2010. Os projetos de Mobilidade Urbana, tem como objetivo descongestionar o trânsito da Capital.

    O PL 103/2010 proíbe a circulação de veículos pesados em horários de pico - das 8h às 9h30 e das 17h30 às 19h, nas vias arteriais da cidade com até três faixas de circulação. De acordo com o PL, o trânsito lento já se tornou um problema crônico nas principais vias de Porto Alegre – também chamadas de vias urbanas arteriais, conforme definição do Código de Trânsito Brasileiro, onde geralmente a velocidade máxima é fixada em 60 km/h e a ausência de estrutura local para suportar o crescente número de veículos que ocupam tais vias. Segundo Carús, com a aprovação do projeto o fluxo de congestionamento já melhoraria na Capital. "Estudos recentes apontam para um crescimento significativo no número de engarrafamentos em importantes vias da Cidade. Cabe salientar que, na maioria dos casos, essas vias servem como único acesso às diferentes regiões de Porto Alegre, ou seja, Norte, Sul, Leste e Oeste", salientou Carús.    

    Já o PL 102/2010, que proíbe a circulação de veículos pesados em horários de pico nas vias arteriais da cidade - das 8h às 9h30 e das 17h30 às 19h, com até três faixas de circulação,  ficando, assim, autorizada a utilização de apenas um lado da pista para fins de estacionamento de veículos. Para Carús, com a aprovação do projeto os porto-alegrenses terão um aumento considerável na mobilidade urbana da cidade, uma vez que fará com que os veículos possam trafegar efetivamente nas duas faixas de circulação. "O estacionamento nos dois lados da via acaba ocasionando um grande tráfego nas ruas de Porto Alegre, principalmente na hora que as pessoas estão indo trabalhar ou levando os filhos para a escola, por exemplo. Sem esse PL as ruas ficam estreitas e apenas com uma via de acesso, o que não comporta a quantidade de veículos existentes na Capital", ressaltou Carús.

    Os projetos não tiveram a tramitação concluída e, por esta razão, o vereador solicitou o desarquivamento dos mesmos, visando uma melhora para os motoristas de Porto Alegre e uma reparo significativo no fluxo de veículos de Porto Alegre. É importante lembrar que, em determinados horários, já vigora uma lei de circulação de veículos pesados no centro de Porto Alegre.

 

PL 103/2010 - Proíbe a circulação de veículos pesados em horários de pico nas vias arteriais da cidade com até três faixas de circulação.

 

PL 102/2010 - Proíbe o estacionamento nos dois lados das vias com até duas faixas de circulação nos horários de pico.