- Atualizada em 12/07/2016 18:13

Decisão para manter a Escola do Senai na Restinga está nas mãos do Executivo

Audiência da CEDECONDH lotou o Plenário Ana Terra na tarde desta terça-feira

Reunião sobre a manutenção do Senai Restinga
Público compareceu em peso(Foto: Ederson Nunes/CMPA)


Em Audiência Pública da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, presidida pelo vereador Dr. Thiago Duarte, a direção do Senai/RS confirmou o interesse de permanecer na Restinga e de não desativar a Escola do Senai instalada há 4 décadas.

O plenário Ana Terra ficou totalmente lotado, na tarde desta terça-feira (12/7), integrado na maior pare por moradores do Bairro Restinga e arredores, o público era composto de alunos, ex-alunos, pais e professores, bem como empresários e lideranças locais, com uma forte contribuição dos meios de comunicação social que cobrem as regiões do Sul e Extremo-Sul, entre eles os Jornais Restinga, Vitrine Gaúcha, Vitrine Extremo-Sul e Vitrine Lomba do Pinheiro além da TV Restinga.

Reunião sobre a manutenção do Senai Restinga (Foto: Ederson Nunes/CMPA)
Pressão faz Senai recuar

Diante do clamor e da pressão popular, o diretor Carlos Trein Júnior, apresentou uma alternativa para a manutenção da escola do Senai, justificando que o prédio onde a escola funciona “precisa de adequação” orçada em aproximadamente R$ 480 mil reais, revelou. Disse que o valor deveria ser coberto com recursos públicos pois o “Sistema S não possui recursos para adequação”.

Dr. Thiago questionou então o secretário Municipal da Produção, Indústria e Comércio, presente na audiência sobre a solução do problema. Antonio Kleber de Paula confirmou que é possível buscar os recursos desde que haja uma determinação do prefeito.


Reunião sobre a manutenção do Senai Restinga (Foto: Ederson Nunes/CMPA)
Encontro na quinta na prefeitura

Em seguida Dr. Thiago, com o apoio dos demais vereadores e os demais presentes na sessão convocou um encontro da Comissão na prefeitura e que será marcado para a próxima quinta-feira (14/7). “Contamos neste dia com a presença de todos que estiveram aqui na tare de hoje”, concluiu Der. Thiago, presidente da CEDECONDH. 

Texto: Flávio Damiani (reg prof 6180)