- Atualizada em 15/12/2016 09:17

General Edson Leal Pujol é Cidadão de Porto Alegre

O comandante militar do Sul, nascido em Dom Pedrito, foi homenageado pela Câmara Municipal

  • Outorga do Título de Cidadão de Porto Alegre ao Senhor General de Exército Edson Leal Pujol
    Os vereadores Pujol e Sabino entregaram o diploma e a Medalha da Cidade ao oficial(Foto: Matheus Piccini/CMPA)
  • Outorga do Título de Cidadão de Porto Alegre ao Senhor General de Exército Edson Leal Pujol. Na foto:  sr. homenageado. General Edson Leal Pujol.
    O comandante dedicou o título aos companheiros do Exército brasileiro(Foto: Matheus Piccini/CMPA)
Na noite desta terça-feira (13/12), a Câmara Municipal concedeu o Título de Cidadão de Porto Alegre ao general do Exército Edson Leal Pujol. A homenagem, iniciativa do vereador suplente Paulinho Rubem Berta (PPS), foi entregue em sessão solene proposta pelo vereador Reginaldo Pujol (DEM). O homenageado, formado pela Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), no Estado do Rio de Janeiro, é o atual comandante do Comando Militar do Sul.

Em seu pronunciamento, o vereador Reginaldo Pujol exaltou o Exército. “Há um bom tempo, ele tem sido a instituição mais respeitada deste país”, declarou, afirmando que a instituição esteve presente em todos os “momentos cruciais” da pátria. “O objetivo permanente sempre foi a preservação do cumprimento da lei e a ordem interna, garantidores de paz e progresso social”, atestou.

O parlamentar também classificou o homenageado como “um símbolo moderno” da entidade. “É um homem reconhecido internacionalmente por seu trabalho, possuindo sólida formação militar, que, em todos os cargos que exerceu, observou os princípios, deveres e valores éticos que norteiam a vida de um oficial exemplar”, garantiu Reginaldo Pujol. Por fim, o vereador justificou a entrega da honraria dizendo que o general Edson Pujol é um exemplo para o país. “Enquanto formarmos militares patriotas como ele, as crises serão superadas, e retomaremos o caminho da prosperidade e do progresso”, ressaltou.

Homenageado

Após receber o título, entregue na forma de diploma e Medalha de Porto Alegre, o general mostrou-se emocionado ao discursar. “Neste momento, sinto-me honrado tanto no campo pessoal como no profissional e identifico a generosidade dos representantes desta Capital, que me acolheu há mais de 50 anos”, assegurou o oficial, natural de Dom Pedrito (RS). Edson Pujol dedicou o título aos companheiros do Exército brasileiro, enaltecendo a figura da instituição. “É composto por homens e mulheres dotados de um grande sentimento que rege o cumprimento do dever de amor à pátria, estando à altura da missão de defendê-la”, afirmou o comandante.

Durante sua trajetória, Edson Pujol trabalhou ainda como oficial do Gabinete Militar da Presidência da República, como observador militar da ONU em El Salvador e adido de defesa naval e do Exército junto à embaixada brasileira no Suriname. Ele comandou ainda a Escola de Administração do Exército, o Colégio Militar de Salvador e a Aman, em Resende (RJ), além de ser chefe de inteligência do Exército em Brasília, comandante das Forças de Paz da Minustah, no Haiti, e secretário executivo do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, em Brasília.

A sessão foi presidida pelo vereador Elizandro Sabino (PTB). Também compareceram o general José Carlos de Nardi, antigo chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas; o secretário estadual de Segurança, Cezar Schirmer; o presidente do Conselho de Cidadãos Honorários de Porto Alegre, Flavio Koch, todos os generais do Comando Militar do Sul e os vereadores João Carlos Nedel (PP) e Valter Nagelstein (PMDB), além da vereadora eleita Monica Leal (PP) e do ex-deputado federal Germano Bonow.

Texto: Paulo Egidio (estagiário de Jornalismo)
Edição: Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)