Plenário

Músico da OSPA ganhará Diploma Honra ao Mérito

Movimentações de plenário. Na foto, na tribuna, o vereador Mendes Ribeiro.
Vereador Mendes Ribeiro (MDB) é o autor do projeto(Foto: Giulia Secco/CMPA)

Está em tramitação, na Câmara Municipal de Porto Alegre, projeto de resolução de autoria do vereador Mendes Ribeiro (MDB) que concede o Diploma Honra ao Mérito a Mauro Luiz Gaspary Rech. Natural de Santa Cruz do Sul, Mauro é advogado, músico e professor de música da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa), onde atua há 45 anos, sendo um dos seus mais antigo membro.

Em 1973, Mauro ingressou na Ospa, orquestra mais antiga do país em atividade ininterrupta, na qual integra o naipe dos primeiros violinos. Aos 23 anos de idade, foi vencedor do primeiro Concurso Nacional de Música de Câmara de Piracicaba, em São Paulo, executando obras de Paganini e Kreutzer. Desde 1982, é professor da classe de violino da Escola de Música da Ospa – Conservatório Pablo Komlós –, voltada a ensinar música, gratuitamente, a crianças e os jovens com idade de 8 a 25 anos. Trata-se da única instituição de ensino para formar músicos de orquestra no Estado, oferecendo a estudantes de baixa renda a oportunidade de profissionalização na área. Suas ações educativas também interferem na formação de ouvintes, cumprindo um papel importante na democratização da educação e cultura no Rio Grande do Sul.

Como músico e professor, Mauro participa da programação da Ospa, que é constituída, entre outras, pelas séries Theatro São Pedro, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), Igrejas, Araújo Vianna, Interior, Música no Museu, Didáticos e concertos especiais, bem como participou como músico convidado das orquestras de câmara da Ospa, Orquestra Sesi/Fundarte, projeto do Serviço Social da Indústria  e da Fundação Municipal de Artes de Montenegro, sinfônica do Serviço Social do Comércio (Sesc) e sinfônica da Universidade de Caxias do Sul (UCS) e da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Foi, ainda, integrante da Orquestra Filarmônica da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs), onde atuou também como spalla, e com a qual participou da gravação de vários CDs.

Texto: Matheus Lourenço (estagiário de Jornalismo)
Edição: Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062)