Professor deverá receber a Comenda Porto do Sol

José Tesheiner leciona no pós em Direito da Pucrs e foi professor da Ufrgs.

Movimentação de plenário. Na foto: Vereador João Carlos Nedel.
Vereador João Carlos Nedel (PP), autor da homenagem(Foto: Henrique Ferreira Bregão/CMPA)

Está em tramitação, na Câmara Municipal de Porto Alegre, o projeto de lei que concede a Comenda Porto do Sol ao professor universitário José Maria Tesheiner. A homenagem é conferida a pessoas físicas ou jurídicas que, em sua atuação pública, contribuíram para o desenvolvimento de alguma área do conhecimento humano. Segundo o autor do PL, o vereador João Carlos Nedel (PP), o homenageado, “por sua biografia e seu currículo, é um cidadão que preenche todas as condições para receber esse galardão”.

José Maria Tesheiner nasceu na serra gaúcha, na cidade de Bento Gonçalves, em 30 de agosto de 1934. Aos 26 anos, recebeu o diploma em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e, em 1963, foi inscrito como advogado na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Em seguida, começou a trabalhar na Ufrgs como instrutor de ensino e professor, cargo que exerceu até 1995. Além de docente, Tesheiner prestou serviços ao Estado como Consultor Jurídico, Coordenador da Unidade de Defesa Judicial da Consultoria-Geral, Consultor-Geral, com aprovação da Assembleia Legislativa, Presidente do Tribunal de Alçada e Desembargador do Tribunal de Justiça.

De acordo com Nedel, o advogado sempre prezou por continuar estudando e só terminou depois de receber os títulos de especialista em processo civil e doutor em Direito pela Ufrgs. Tesheiner ainda é professor no Programa de Pós-Graduação em Direito da Pontifícia Universidade Católica (Pucrs) desde 10 de agosto de 1998. Em 10 de dezembro de 2003, recebeu o prêmio Mestre Jurídico – Orlando de Assis Corrêa, outorgado pela Escola Superior de Advocacia da OAB.

Texto: Cleunice Maria Schlee (estagiária de Jornalismo)
Edição: Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)