- Atualizada em 21/07/2016 21:03

Salão de Artes tem 144 inscrições homologadas

Os candidatos apresentaram portfólios para concorrer em 11 diferentes modalidades

21° Salão de Artes Plásticas de Porto Alegre.
O outdoor do evento, que será aberto em setembro(Foto: Esteban Duarte/CMPA)

O Legislativo da Capital publicou, no Diário Oficial de Porto Alegre desta quinta-feira (21/7), a lista das inscrições homologadas para o 21º Salão de Artes Plásticas Câmara Municipal de Porto Alegre, evento que será realizado a partir de 6 de setembro deste ano. Inscreveram-se 144 artistas, que apresentaram portfólios para concorrer em 11 diferentes modalidades de técnicas artísticas.  

Caso o candidato tenha seu portfólio pré-selecionado, terá de apresentar, para análise da Comissão de Seleção e Premiação, até três dos trabalhos inscritosConfira o número de inscrições homologadas em cada modalidade: Pintura (45), Fotografia (25), Desenho (18), Instalação (16), Objeto (13), Escultura (10), Cerâmica (5), Arte digital (5), Vídeo-arte (3), Gravura (3) e Colagem (1). O resultado final do evento ocorrerá em 30 de agosto no Diário Oficial de Porto Alegre.

O 21º Salão terá abertura oficial às 19 horas de 6 de setembro no Plenário Otávio Rocha, como parte das comemorações dos 243 anos da Câmara Municipal de Porto Alegre (Avenida Loureiro da Silva, 255). A visitação vai até 7 de outubro, com entrada franca. O evento é patrocinado pelo Legislativo da Capital. Informações:(51) 3220-4318, no Memorial da Câmara.

64 anos de história

Idealizado pelo ex-vereador, escritor e jornalista Josué Guimarães (1921-1986), o Salão de Artes Câmara Municipal de Porto Alegre foi criado há quase 64 anos, pela Lei Municipal nº 940, de 6 de novembro de 1952, modificada posteriormente. Na primeira fase, encerrada em 1960, reunia apenas artistas gaúchos, mas, reativado em 1988, o evento passou a aceitar a participação de artistas residentes no RS vindos de outros Estados e países. Desde então, o evento firmou-se como tradicional espaço de exibição da arte contemporânea, sendo realizado nos anos pares. Na edição anterior à atual, ocorrida em 2014, a vencedora foi a artista Ana Mähler, com a instalação Escada 15, que combina fotografia, pintura e objeto de corda e retrata um vão da Fundação Iberê Camargo.

Texto: Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)