- Atualizada em 23/05/2017 09:21

Bairro Costa e Silva pede apoio do Legislativo para construção de nova UBS

Comunidade quer desafetação de área em praça para que GHC faça novo posto de saúde

Desafetação de área na Praça Nelson Marquezan para edificação de nova UBS do GHC no costa e Silva.
Santos (e), vereador Cássio Trogildo e Munhoz (d) na sessão desta quinta-feira(Foto: Henrique Ferreira Bregão)

Representantes da Sociedade Beneficente e Cultural do Bairro Costa e Silva, Darci Munhoz e Vicente dos Santos ocuparam a Tribuna Popular na sessão ordinária desta quarta-feira (18/5) da Câmara Municipal de Porto Alegre. Os oradores solicitaram que o Legislativo seja parceiro em reivindicação da comunidade de construção de uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS) para os moradores do bairro, a ser feita na Praça Nelson Marchezan pelo Grupo Hospitalar Conceição (GHC). Para a obra, parte da área deve ser desafetada pelo Município.

Conforme Munhoz, que também é coordenador local de saúde da unidade do GHC, o atual posto de saúde que atende os moradores do Costa e Silva está instalado em prédio que foi construído para abrigar uma creche comunitária. “Não há mais condições de se fazer reparos, a edificação está em precárias condições”, afirmou. Munhoz disse ainda que o GHC pretende construir lá uma unidade de ponta que deverá funcionar como posto-escola na formação de profissionais para atendimentos de atenção primária.

Para a nova UBS, o GHC pede que sejam desafetados 2.500 metros de área da praça, segundo explicou Munhoz. O orador também lembrou que houve crescimento populacional no bairro, fato que também respalda a demanda apresentada. “Estamos aqui para pedir que os vereadores se posicionem a favor desta causa”, pediu Vicente dos Santos. “Temos que nos unir para termos uma vida mais saudável em todos os sentidos. Só temos uma vida, e é a que estamos vivendo agora”, afirmou ainda Santos em defesa do pedido.

PROJETO - O vereador André Carús (PMDB) informou aos representantes do Bairro Costa e Silva que a Comissão de Saúde e Meio Ambiente (Cosmam) deverá protocolar projeto de lei com vistas à desafetação da área solicitada pela comunidade para a construção da UBS. O vereador, que também é presidente da Cosmam, informou ainda ao plenário que a obra da nova unidade de saúde deverá ser feita pelo GHC com verbas federais, não havendo a necessidade de recursos do município.

APOIO - O vereador Airto Ferronato (PSB) manifestou apoio à reivindicação. “Será uma conquista importante para o bairro”, considerou. Para o vereador, a área que seria destinada à construção da UBS é adequada e de fácil acesso. “A desafetação da praça, hoje, seria positiva para toda a cidade de Porto Alegre”, afirmou. Ferronato também se colocou à disposição da comunidade para auxiliar na demanda. “Vamos lutar lado a lado pela desafetação da área”, concluiu. (PE)

Texto: Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)
          Paulo Egídio (estagiário de Jornalismo)
Edição: Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062)