- Atualizada em 11/10/2017 17:54

Projeto inclui corrida e caminhada beneficente no calendário da cidade

Vereador Rodrigo Maroni na tribuna do plenário
Vereador Rodrigo Maroni na Câmara Municipal(Foto: Guilherme Almeida/CMPA)

Está em tramitação no Legislativo Municipal, projeto de lei que inclui a Corrida e a Caminhada Beneficente Vai Totó, realizadas na última semana do mês de março, no Calendário de Eventos e no Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre. A proposta, de Rodrigo Maroni (Pode), tem como objetivo contribuir para qualidade de vida e incentivar atividades em família.  

O vereador explica que a iniciativa começou em 2016, no Parque Farroupilha, dentro das comemorações de aniversário da Capital. Na ocasião, mais de 400 pessoas participaram de atividades e conferiram a apresentação de cães do Batalhão de Operações Especiais (BOE) da Brigada Militar. Conforme o texto do projeto, o evento resultou na doação de dois mil quilos de ração às protetoras cadastradas na então Secretaria Especial dos Direitos Animais (Seda).

Maroni também destaca que a Corrida e a Caminhada Vai Totó não visa lucro em benefício próprio ou de terceiros. "Além de promover a qualidade de vida dos cidadãos, o evento contribui para a promoção do esporte e redução de gastos com tratamento de doenças dos porto-alegrenses". Ainda segundo o vereador, o evento, que não cobra nenhum valor para inscrição, conta com o apoio de instituições como a Sociedade de Ginástica de Porto Alegre (Sogipa), Kennel Clube do Rio Grande do Sul, Assembleia Legislativa do RS, Prefeitura de Porto Alegre, Grupo Record de Televisão e o Canil do BOE.

“Trata-se de uma ação da iniciativa privada, mas em nome dos animais desprotegidos de Porto Alegre”. E finaliza ainda Maroni: "Outro benefício da Corrida e Caminhada Vai Totó é o turismo, por contar com participantes de outras cidades, o que gera incremento e movimentação na área, além de não gerar prejuízos financeiros à prefeitura, como aponta o projeto. 

Texto de: Munique Freitas (estagiária de Jornalismo)
Edição: Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)