Cultura

Memorial faz balanço da agenda cultural de 2019

  • V Mostra de Artes Cênicas e Música - espetáculo Sopráveis - 15 anos de Circo Híbrido.
    Crianças acompanham espetáculo durante a V Mostra de Artes Cênicas e Música no Teatro Glênio Peres(Foto: Ederson Nunes/CMPA)
  • Exposição "O Sagrado na Cultura Negra, Orixás e suas Representações.
    "O Sagrado na Cultura Negra" foi uma das mostras promovidas na Câmara em 2019(Foto: Jeannifer Machado/CMPA)

A Seção de Memorial da Câmara Municipal de Porto Alegre, que é responsável pela agenda cultural do Legislativo, elaborou um balanço de toda a movimentação artística ocorrida na Casa, e fora dela, em 2019. Ao todo, sete dos principais espaços culturais da Casa receberam inúmeras modalidades de obras e apresentações artísticas: mostras de pinturas, aquarelas, fotografias, artesanatos, colagens, esculturas, cerâmicas, gravuras e históricas; assim como, espetáculos de dança, circo, música e teatro. Todas estas atividades foram abertas e gratuitas à sociedade porto-alegrense e demais cidadãos.

No total, 53 exposições foram colocadas à disposição do público nos espaços T Cultural Tereza Franco, Galeria Clébio Sória; e no saguão do Plenário Otávio Rocha, do Salão Adel Carvalho, dos Correios e Telégrafos e no Central do pavimento térreo. Tal como, por exemplo, a mostra de cartuns Rir é Risco - Independência em Risco, que foi organizada pela Grafistas Associados do Rio Grande do Sul (Grafar) e solicitada pelo vereador Marcelo Sgarbossa (PT).  

Ou, então, os 56 locais de empréstimos das Exposições Itinerantes que, normalmente, são disponibilizadas na forma de banners. Mediante agendamento, esses materiais são cedidos a escolas, grupos organizados e instituições. A proposta é oportunizar a extensão da educação, para além do Parlamento, acerca da história de Porto Alegre, do Rio Grande do Sul, do Brasil, de personalidades renomadas, de questões contemporâneas e sociais. A exemplo disso, a exposição Mulheres no Poder esteve cedida à Câmara de Vereadores de Candelária (RS).  

Já na modalidade fotográfica, houve o XVI Concurso Sioma Breitman de Fotografia, que acontece somente nos anos ímpares. Intitulado, em 2019, com a temática Os Caminhos de Porto Alegre, e destinado a premiar (em dinheiro) imagens em preto e branco, 50 profissionais tiveram as suas obras inscritas. Destas, foram selecionadas 132 fotografias na Categoria Foto Digital e outras 18 obras na de Foto Convencional. A partir daí, a equipe de jurados escolheu 46 imagens, de 30 fotógrafos, de acordo com critérios definidos no edital. Essa reunião de retratos resultou em uma exposição fotográfica no espaço T Cultural da Câmara. 

Além de tudo, inúmeros estudantes, desde a educação infantil até a média, mais o público em geral, ocuparam as poltronas da V Mostra de Artes Cênicas e Música do Teatro Glênio Peres, que ocorre todos os anos. Foram quatro modalidades artísticas nos palcos do teatro, 14 grupos e/ou artistas solo, e o total de 28 apresentações. A abertura da Mostra ficou por conta de um show musical, com The Beatles no Acordeon, e encerrou com o espetáculo circense Corpo Inquieto

A finalidade, na parte interna ou externa da Casa, também é propagar a cultura. Por isso, a Seção de Memorial da Câmara se propõe a desenvolver e a realizar projetos na área de história e política cultural. E, neste caso, isso só acontece com a recuperação, divulgação e conhecimento amplo e irrestrito, à comunidade, por meio do seu acervo e atividades educacionais.

Texto

Bruna Schlisting Machado (estagiária de Jornalismo)

Edição

Carlos Scomazzon (reg. prof. 7400)

Tópicos:Memorial